(Áudio): Educação paralisa até dia 17, pelo menos, suas atividades em Espigão

A informação partiu da presidente local do SINTERO Maria Helena.
A principio, foi divulgado que a greve seria em todo o país e por tempo indeterminado.

Da Redação

Foto: Redação TOP FM
(Profissionais da Educação em EOE)

De acordo com a responsável pelo Sindicado dos Trabalhadores em Educação em Espigão d’Oeste, Maria Helena, na data, diversos sindicatos e categorias de trabalhadores prometem parar por 24 horas em todo o país para protestar contra os pacotes de reforma propostos pelo governo de Michel Temer.

As áreas de educação e saúde já aderiram à greve, que também já tem adeptos da justiça, da polícia civil e do setor de transporte público em alguns estados, não há informações sobre Rondônia. O Sindicato dos Professores do Município de Espigão d’Oeste (SINTERO) aderiu.

Ouça as declarações da responsável


Comentários pelo facebook

Comentários

Carregar mais em DESTAQUES

Verificar também

Biometria: Espigão iniciou o cadastramento nesta segunda feira e vai até o mês de Julho

Desde a última segunda-feira (05/6) tiveram início os trabalhos de atualização cadastral d…