Em primeira votação projeto que propõe a redução de vereadores é rejeitado

Em primeira votação projeto que propõe a redução de vereadores é rejeitado

Na 14ª Sessão Ordinária na Câmara Municipal, os vereadores discutiram e votaram a emenda 001/2017 à Lei Orgânica que propõe a diminuir o número de vereadores de 11 para 9. Para aprovação do projeto seria necessário pelo menos 2/3 dos votos favoráveis mas que terminou sem sucesso.

O projeto que pode reduzir mais de R$900.000,00 por mandato foi rebatido sobre argumentos de que os vereadores poderiam subir o salário após isso, que perderia representatividade, os que são favoráveis responderam que é impossível prever quem estará no próximo mandato e não pensam em aumento de salário pois esse projeto passa a valer na próxima legislatura.
Em várias cidades vizinhas o percentual chega a ser mais de 7.000 habitantes por cadeira enquanto em Espigão é menos de 3000 habitantes por cadeira. Apesar das alegações dos autores o projeto acabou reprovado em primeira votação pelo placar de 07 votos ao contrário e 04 a favor.

Municípios como Pimenta Bueno e Rolim possuem um número maior de habitantes porém um número menor de vereadores. A noite foi calorosa na câmara com manifestação do público por diversos momentos. O Projeto poderá voltar a ser votado em uma próxima sessão, mas somente um apelo popular muito grande é capaz de mudar os votos dos vereadores.

Fonte: Espigão Alerta

Comentários pelo facebook

Comentários

Carregar mais em Espigão

Verificar também

Biometria: Espigão iniciou o cadastramento nesta segunda feira e vai até o mês de Julho

Desde a última segunda-feira (05/6) tiveram início os trabalhos de atualização cadastral d…